Informar de forma eficaz e engajar os colaboradores nos propósitos da empresa são  objetivos da área de comunicação interna. Podemos mudar ferramentas, plataformas, incluir novos elementos na conversa, mas o foco permanece o mesmo.

Porém, a comunicação com os colaboradores ainda não é considerada relevante ou não tem a atenção merecida em muitas companhias. Foi o que mostrou uma pesquisa realizada nos EUA, no início deste ano, pela Dynamic Signal, empresa de tecnologia que oferece uma plataforma de comunicação e engajamento com funcionários.

A pesquisa

O levantamento, que ouviu mil pessoas, revelou que 80% dos trabalhadores americanos estão estressados devido à comunicação ineficaz de suas companhias, o que representou um aumento de 30% em relação ao ano anterior. Além disso, 63% dizem que estão prontos para deixar seus empregos.

Entre os fatores mais prejudiciais, 58% dos entrevistados apontaram o uso incorreto de ferramentas de comunicação, 43% disseram ser a falta de informes por parte da companhia e 36%, a dificuldade de encontrar a informação necessária para a realização de uma atividade.

De acordo com o estudo, as falhas na comunicação também impactam nos resultados das empresas. Mais de 50% das pessoas ouvidas afirmaram identificar problemas financeiros e na imagem das companhias, como queda nas vendas e na reputação da marca.

Nos últimos anos, outras pesquisas já vinham refletindo a crescente insatisfação dos colaboradores com a comunicação interna em seus trabalhos. Um levantamento da Gallup, por exemplo, revelou, em 2017, que apenas 13% dos empregadores consideravam as comunicações das empresas eficazes.

Como melhorar a comunicação interna?

Russ Fradin, CEO da Dynamic Signal, acredita “que as empresas estão fazendo o mesmo trabalho que sempre fizeram, mas as expectativas de seus funcionários evoluíram”.

Sendo assim, a comunicação também precisa evoluir, seja por meios de dar voz ao colaborador, na linguagem abordada ou na adoção de novos canais. Para isso, leve sempre em consideração o perfil do público, a realidade da empresa, o planejamento e rumos da companhia, bem como as transformações do mundo.

O primeiro passo para as organizações colherem os benefícios de uma comunicação interna eficaz  é a área ser vista como estratégica. Nós já abordamos esse tema aqui no blog e apontamos alguns caminhos para isso no post “Como trazer a comunicação com os funcionários para o século 21?”

E a sua empresa? Como está cuidando da comunicação com os colaboradores?

 

Curadoria de conteúdo por Thainara Pereira, analista de Comunicação e Marketing da CDI Comunicação.